quarta-feira, abril 25, 2007

Hospitais Militares: Uma Vergonha.

Segundo os jornais, haverá uma reforma dos hospitais militares.

Segundo essas mesmas notícias a reforma durará meia década.

Meia década!?

É só fechar a porta dos hospitais. É só mandar a ex-Inspecção Geral da Saúde lá dar uma volta.

O que encontrará será o fim-do-mundo...

Mas cinco anos? Porquê?

9 comentários:

esculápio disse...

Sugeria que começassem por ir ver quem são os beneficiários dos serviços prestados pelos hospitais militares e respectivos familiares. Havíamos de nos rir bastante...

naoseiquenome usar disse...

Allô, allô!!!?
Serão médicos?!
Ou...
ai... (olhe que não, olhe que não! :))

Anónimo disse...

Cara NSQNU, faz parte da velha Inspecção Geral da Saúde ou da nova?!:)) Parece estar sempre por dentro das coisas que até assusta os mais fracos.

Medico Explica disse...

NSQNU:

São médicos, farmacêuticos, enfermeiros, auxiliares, administrativos, sargentos, técnicos de farmácia, todos mamam nos hospitais militares.
Agora, NSQNS, ir direitinha para os médicos, só para os médicos! Não será perseguição aos ditos?

naoseiquenome usar disse...

... Ao menos podia pôr um sorriso na pergunta, MEMI! :)

Com vários sorrisos, caríssimos: eu, não sou nada. Apenas uma marginal, que gosta, às vezes, de ser diletante, sobre a saúde!

Anónimo disse...

acho que por vezes a sua diletância parece antes uma militância, cara NSQNU.
CF

wednesday disse...

Tachos?

AeroLisboa disse...

Manifestamente insuficiente para esquecer a quantidade de filhos e enteados de militares que são médicos, em boa verdade.

SG disse...

O problema dos hospitais militares é que os generais ainda não perceberam que seria preferível ter um hospital aberto ao público do que ter um asilo (perdão, um hospital) privativo com todas as mordomias...