domingo, agosto 12, 2007

Promiscuidade crescente!


 

Esta notícia tem um mês, foi publicada num jornal regional, As Beiras em 03 de Julho de 2007 e mostra a promiscuidade (que já existe!) entre associações científicas, médicas e não médicas, de profissionais, de doentes, etc. e a indústria farmacêutica.


 

É apenas um pequeno exemplo, mas dá para pensar.


 


 

"Rastreios gratuitos aos pés

A Associação Portuguesa de Podologia, em parceria com o Lamisil 1, promove rastreios gratuitos aos pés, no dia 5 de Julho, das 11H00 às 17H00, na Farmácia S. José e na Farmácia Estádio, em Coimbra, com os objectivos de sensibilizar os portugueses para a saúde dos pés e fazer o despiste precoce das doenças podológicas, como o pé-de-atleta que afecta mais de dois milhões de portugueses.
Para prevenir as doenças dos pés o podologista, Manuel Azevedo Portela, presidente da Associação Portuguesa de Podologia, recomenda que se deve secar sempre bem os pés, especialmente entre os dedos, trocar de calçado diariamente, não andar descalço em locais públicos, usar meias de fibras naturais, como seda ou algodão, manter os pés limpos, usar chinelos em instalações públicas como piscinas e balneários e, fundamentalmente, examinar regularmente os pés.
As acções vão decorrer na Farmácia S. José, na Alameda Calouste Gulbenkian e na Farmácia Estádio, na Rua D. João III."

4 comentários:

António Ventura disse...

É, realmente, uma falta de vergonha completa!
Situações destas são aproveitadas para justificar o aparecimento de personagens tão deslumbradas como o CC.
Mas adorei o conselho do sr. podologista (1): troque de sapatos todos os dias!
365 pares de sapatos/ano? Nem a Imelda das Filipinas nem a Causescu da Roménia... (realmente não consta que estas ilustres personagens sofressem de pé de atleta...
Saudações cordiais
António Ventura

Anónimo disse...

Fosse esta notícia referente à mesma iniciativa mas organizada por um qualquer médicozito de beira de esquina, formado em qualquer faculdade brazileira em tempos do 25 de Abril, pomposamente entitulado de "soutor" qualquer coisa e distinto detentor de todos os conhecimentos em todas as áreas e mais algumas ( à boa portuguesa..) e tudo já estaria bem é ?
Vão para casa...... esse corporativismo extremo só vos fica mal. Querem a exclusividade nas "negociatas" com as farmaceuticas não é ?. No fundo é por isso que ficam cheios de prurido quando vêm algum "não-médico" (como gostam de entitular quem não é da "casta") a fazer algo de útil no âmbito da saúde.
Vergonha "soutores"........

Medico Explica disse...

Se a iniciativa estivesse ligada a um medicamento seria também criticável. E infelizmente vêem-se muitos médicos encostados a associações de doentes por sua vez financiadas pela indústria descaradamente. Isso também é promiscuidade...

Anónimo disse...

..costuma dizer-se ..."quem não sabe, nao fala"...lá terá a sua lógica...bem, mas contudo passo a explicar, "trocar de calçado diariamente"...é diferente de "compre uns sapatos diariamente, "troque de sapatos todos os dias""...!! Bem, no entanto, é essa a base da prevenção do pé de atleta...sapato humido, da caminhada diária, levará a meio humido favorável á proliferação de microorganismos...logo, se trocar de sapato..no dia seguinte... e estes forem correctamente arejados...a facilidade de propagação e proliferação será menor...Vá lá...até com 2 pares de sapatos...em 365 dias/ano...conseguiria fazê-lo...certamente que o senhor até possuirá mais que 2!!! Foi apenas o querer comentar sem ter lógica para se justificar!!!...