terça-feira, março 21, 2006

Passo Dias E Dias Sem Ver Ninguém...

... acaba de afirmar a doente ao levantar-se após a consulta e fechando a porta do gabinete médico da urgência.

Satisfeita porque já falou com alguém, desconhecido, mas alguém que a ouviu.

As queixas foram muitas e o médico tem que compreender que ISTO para a doente era uma urgência. Por isso a mediquei com antidepressivos, enquanto a ia ouvindo, mas o melhor seria prescrever-lhe o antigo companheiro que a deixou há 10 anos. Ela tem agora 77.

Para o médico será sempre uma FALSA urgência. E para a estatística.

Dramas sociais em directo, que a Internet nos gabinetes médicos permite postar.

9 comentários:

Anónimo disse...

E se na vez de postar nos gabinetes, que tal se tentasse trabalhar para rentabilizar... seria uma boa ideia??

Anónimo disse...

Postar no gabinete médico não é lá muito normal!! Primeiro porque nao era suposto haver tempo para isso... depois nem interesse. Quando os doentes saem do nosso consultório ficamos geralmente e pensar neles e nos seus problemas, a terminar os registos clinicos ou a pensar no doente que vai entar a seguir. Nunca me passaria pela cabeça parar e lembrar-me sequer de postar no meu blog!! Será que está viciado nisto, Sr. Dr.? :-))

Medico Explica disse...

Não. Não estou viciado. E "postar" no gabinete é uma força de expressão, porque não foi propriamente do gabinete que saiu o post. Era bom que todos os gabinetes médicos tivessem internet, não para postar, mas para consultar on-line, dúvidas que possam surgir.

Anónimo disse...

pois, pois... dúvidas que podem surgir...

ABS disse...

Caro anónimo: nos países normais qualquer médico tem há muito acesso directo à internet a partir do seu consultório. E, sim, às vezes até pode ser para postar e para arejar as ideias.
Por cá estamos há muito a lutar para que se tenha esse tipo de ferramenta nas secretárias. Se o meu caro amigo não entende os porquês do interesse de um médico estar online enquanto faz consulta sugiro-lhe que se informe. Pode começar por aqui:

http://www.nlm.nih.gov/

Anónimo disse...

a necessidade de estar on line percbeo. postar in situ não. daqui a pouco vai dizer que visitar sites pornograficos no consultório serve os interesses da profissão.

Medico Explica disse...

Como sabe caro anónimo insistente, na intranet RIS (Rede Informática da Saúde) não é possível aceder a sites pornográficos, de jogo e outros do género.

Anónimo disse...

Eu diria que há períodos mais calmos (é num serviço de urgências), intervalos para comer, .., em que se pode usar o pc para postar... E como o MEMI disse foi mais uma forma de expressão...

Anónimo disse...

Eu quando mencionei "sites pornográficos", também foi uma força de expressão.... a bem da profissão!!